Leilões do Detran/SP seguem suspensos e prejudicam trabalhadores do setor

Postagem em 8 de fevereiro de 2024

O Sindicato dos Leiloeiros do Estado de São Paulo (SINDLEI-SP) enfrenta um período desafiador na busca por negociações efetivas com o Detran/SP. Esta situação levanta questões significativas para os profissionais de leilões, influenciando diretamente a dinâmica do setor no estado.

 

Ausência de Convocação para Diálogo: Gustavo Reis, presidente do SINDLEI-SP, destaca a falta de convite aos leiloeiros para participarem das reuniões de elaboração de projetos, o que dificulta a comunicação entre o sindicato e o Detran/SP.

 

Novo Plano de Trabalho e Suas Implicações: Um plano de trabalho publicado em 01/11/2023, delineando diretrizes para leilões, foi criticado por Reis devido à sua elaboração sem a consulta ao sindicato, criando divergências com a legislação vigente.

 

Desafios na Implementação do Plano: Reis explica que o novo plano deveria ser aplicado apenas a leilões futuros, mas na prática, o Detran/SP tenta retroagir suas diretrizes para leilões já planejados, gerando complicações.

 

A Busca por Sintonia e Colaboração: O sindicato se coloca à disposição para colaborar nas mudanças propostas, salientando a necessidade de maior aproximação entre o Detran/SP e o SINDLEI-SP.

 

O SINDLEI-SP, comprometido em defender e orientar a categoria desde sua fundação em 1957, enfrenta obstáculos significativos para assegurar um ambiente justo e transparente para os leiloeiros e compradores de leilão. A busca por um diálogo construtivo com o Detran/SP é essencial para harmonizar as necessidades dos leiloeiros com as novas diretrizes propostas.

Comentários

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Instagram

[instagram-feed num=5 cols=5 showfollow=false showheader=false showbutton=false]
[instagram-feed num=4 cols=2 showfollow=false showheader=false showbutton=false]